Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grandes Sons

Um pouco de música todos os dias. Ao vivo, em vídeo, discos, singles, notícias, fotos. Tudo à volta do rock e derivados.

Grandes Sons

Sting em Oeiras

Sting no festival CoolJazz, em Oeiras: Concerto acontece no final de junho 

A notícia foi avançada esta manhã pela Rádio Comercial. Segundo esta estação de rádio, o concerto acontece no Estádio Municipal de Oeiras, a 29 de junho.

A Portugal Sting traz a digressão mundial Back to Bass; nestes concertos, o ex-Police cantará e tocará baixo, acompanhado por uma banda de cinco elementos.

Segundo o Cotonete, que cita a Rádio Comercial, Sting vai tocar músicas dos Police e do seu percurso a solo.

Os bilhetes custam entre 35 euros e 60 euros.

Sting no CoolJazz, em Oeiras - bilhetes:

Gold Circle - 60 euros
Bancada - 45 euros
Relva - 35 euros
Zona especial para pessoas com mobilidade reduzida -35 euros

Sharon Jones e Mayer Hawthorne de Regresso a Portugal

 

Vai acontecer no Cool Jazz Fest , Jones actua no Parque Marechal Carmona, em Cascais, a 4 de Julho, sendo que Hawthorne passa pelo mesmo local, três dias depois.

 

Recorde-se que os dois artistas estiveram em Portugal no ano passado, para a edição 2010 do festival Super Bock Super Rock.

 

Também confirmados na edição 2011 do Cool Jazz Fest estão Jamie Cullum, que sobe ao palco do Hipódromo Manuel Possolo, em Cascais, a 29 de Junho; e Maria Schneider, que actua a 23 de Julho no Parque Palmela, também em Cascais.

O concerto de Jamie Cullum tem início às 22h00, sendo que os respectivos bilhetes custam entre €25 e €55. Já o espectáculo de Maria Schneider, que se apresenta com a Orquestra Jazz de Matosinhos, tem início às 22h00, sendo que os respectivos bilhetes custam entre €28 e €35.

Chris Isaak em Cascais: The Chris Isaak Show

 

(Foto: Rui M. Leal/ IOL)


Os 54 anos de Chris Isaak não são mais do que um mero sinal aritmético de identificação. Em Cascais, viu-se um entertainer da velha escola americana consciente da resistência da sua música.


 

O título desta crónica é o nome do programa que o artista apresentou entre 2001 e 2004 na televisão americana. Para quem desconfiava que este era homem de dois ou três êxitos, ficou a prova em como Chris Isaak, além de saber cantar e tocar guitarra, também é um excelente entertainer daqueles que imaginamos dos filmes americanos de Verão passados na California com piadas fáceis mas que funcionam sempre. Agora compreende-se a ligação ao cinema seja por bandas sonoras, seja mesmo como actor. O homem nasceu para ser estrela e aos 54 anos diverte-se como um miúdo com os seus compinchas sempre prontos a alinharem em tudo. Visualmente o sinal está dado, os cinco músicos vestem fatos pretos debruados nas mangas e calcanhares com desenhos de chamas, a contrastar temos Chris Isaak com um dos famosos fatos, este é azul vivo. A noite começa calma com as primeiras músicas e a plateia cerimoniosamente sentada. Foi o tempo dos fotógrafos captarem as melhores imagens e Chris até ajudou indo ao pé deles fazer poses à Elvis.

 

Terminado esse período, arranca o espectáculo com Chris a improvisar um letra para um fado passando rapidamente para «Love me Tender» que cantou numa volta pelo parque! Saiu do palco e foi ter com o público que tinha sido convidado a trocar as cadeiras pelo espaço vazio que havia ali na frente. Depois invadiu a plateia e foi cantando, passeando no corredor entre as cadeiras enquanto se metia com as fãs, indo mesmo atrás de uma que recuou quando o viu aproximar-se. Falou do meio do parque para o palco e manteve sem o tom de«Love me Tender» que foi terminar já junto aos seus divertidos músicos. Quebrava-se o gelo e a partir daí houve um pouco de tudo. Rock, blues, country, gospel e versões mais despidas com os músicos sentados na boca do palco.

 

Num intervalo umas fãs mais inquietas pediam bem alto um tema. Chris admirado e de resposta pronta explicou que não era assim que funcionava porque não estávamos num bar e ele era um artista profissional. Mas descansou-as dizendo que não tinham pressa nenhuma em ir embora porque só tinham avião no dia a seguir ao fim da tarde. Mais à frente partilhou o momento em que conheceu James Brown. Gaguejou entre mil elogios e nervoso estendeu-lhe a mão e como resposta levou um claro, inequívoco, e brilhante: «BAH»! É assim um concerto de Chris Isaak interacção com o público, contagiante boa disposição e depois uma seriedade e entrega total na interpretação das canções. Nem «Wicked Game» escapa a esse profissionalismo como se fosse a primeira vez que a cantava.

 

A parte final do concerto é genial porque Chris Isaak optou por improvisar aceitando mesmo sugestões com «Only the Lonely», atacando a versão de «Pretty Woman» e já com um fato em formato de bola de espelhos convidou algumas fãs a invadirem o palco para dançarem. Ali ficou representado o público desta noite desde uma criança até às mães passando por uma beldade que, obviamente, chamou a atenção de Chris que preferiu envergonhar o segurança de serviço e de costas para o palco: «O homem está a noite toda ali de costas para nós de braços cruzados mas quando subiu esta rapariga virou-se logo!». Desculpemos o segurança porque também não era caso para menos, a moça era vistosa, engraçada e brilhou ao dançar um pouco de blues rodopiando sobre o seu vestido de verão de tal maneira sensual que Chris teve de pedir para ela parar porque não estávamos num bar de Las Vegas e havia crianças no palco. Mais tarde falámos com Rita la Rochezoire, que explicou que tinha acabado o curso de sociologia mas depois confessou que o à vontade em palco vem do facto de ter uma banda, Maxgirls. E também de já aparecer em capas de revistas, acrescentamos nós.

 

Chris Isaak é o clássico one man show, brilha e faz brilhar, troca de papéis com o baterista e exibe um notável ar jovial de rebelde engatatão suportado numa excelente forma física e vocal. Duas horas de delírios californianos clássicos em Cascais que agradou desde os fãs anónimos até aos músicos nacionais avistados na plateia como Miguel Ângelo, Rui Veloso ou David Fonseca. Um concerto memorável.

 

in: Disco Digital

 

 

(vídeo de Margarida Neves de Sousa)

Maria Bethânia e Celso Fonseca no Cascais CoolJazzFest

Maria Bethânia e Celso Fonseca vão actuar na noite brasileira do Cascais CoolJazzFest.

O concerto está marcado para o Hipódromo Manuel Possolo a 22 de Julho. O preço dos bilhetes varia entre os 20 e os 50 euros.

 

Este é o cartaz completo do Cascais CoolJazzFest:

1 de Julho - Regina Spektor no Paque Palmela
5 de Julho - Chris Isaak no Parque Marechal Carmona
13 de Julho - Norah Jones no Hipódromo Manuel Possolo
17 de Julho - António Pinho Vargas, Laurent Filipe e Groove4tet no Parque Marechal Carmona
22 de Julho - Maria Bethânia e Celso Fonseca no Hipódromo Manuel Possolo
24 de Julho - Corinne Bailey Rae no Parque Marechal Carmona
25 de Julho - Diana Krall no Hipódromo Manuel Possolo
27 de Julho - Club des Belugas no Parque Marechal Carmona
28 de Julho - Elvis Costello no Parque Marechal Carmona
29 de Julho - Solomon Burke com Joss Stone no Parque Marechal Carmona

Solomon Burke encerra Cascais CoolJazzFest 2010


O cantor Solomon Burke, com Joss Stone e o Club Des Belugas Orchestra, encerra dia 29 de Julho o Cascais CoolJazzFest 2010, anunciou hoje a produtora do espectáculo.

Cantor e compositor nascido em Filadélfia, em 1940, Solomon Burke compôs alguns temas conhecidos como "Cry to Me", que ficou sempre associado ao filme "Dança Comigo", "Down In The valley", cuja versão mais conhecida é cantada por Otis Redding, ou "Everybody Needs To Love", que ficou famosa no voz dos Rolling Stones.

Depois de ter visto o nome inscrito no Rock and Roll Hall of Fame em 2001, Solomon Burke editou o álbum "Don´t Give Up On Me" (2002), que inclui canções propositadamente escritas para si por músicos como Tom Waits, Bob Dylan, Brian Wilson, Elvis Costello ou Van Morrison.

Em 2006 editou "Nashville", dedicado à música country, uma das suas paixões - com a colaboração de Dolly Parton, Emmylou Harris e Gillian Welch, e "Like a Fire" que conta com temas escritos por Eric Clapton, Ben Harper e Keb´Mo´.

Joss Stone é uma compositora e cantora de soul e R&B que, aos 23 anos, já conta com quatro CD editados e vários Brit Awards, um Grammy e mais de 10 milhões de discos vendidos em todo o mundo.

O Club Des Belugas Orchestra - que iniciou a carreira em 2002 com o álbum "Caviar at 3 A.M."- é de origem alemã e tem cinco CD editados. A sua sonoridade combina jazz-swing com efeitos electrónicos misturados com black soul americano dos anos 1950, 1960 e 1970, e algumas batidas de samba jazz e bossa nova.

Chris Isaak, Norah Jones, Corinne Bailey Rae, Diana Krall, Elvis Costello & The Sugar Canes são alguns dos músicos que irão actuar no palco do Parque Marechal Carmona em Cascais durante o CoolJazzFest 2010. Deolinda, Orquestra Buena Vista Social Club feat e Omara Portuondo constam do programa do Mafra CoolJazzFest.

A edição deste ano do CoolJazzFest decorre no Parque Marechal Carmona e no Hipódromo Manuel Possolo, em Cascais, e em Mafra, no Jardim do Cerco da Tapada de Mafra

Chris Isaak no CoolJazzFest

Chris Isaak actua dia 05 de julho no Parque Marechal Carmona. Com 10 álbuns editados em 20 anos de carreira, musicalmente procura uma música combinada entre o rock n'roll, o country-western e os blues.
Neste regresso aos palcos nacionais, Isaak irá seguramente interpretar clássicos como "Wicked Game" e "Baby did a bad, bad thing", ou "Mr. Lucky" do seu mais recente disco, bem bom por sinal.

Também Norah Jones e Diana Krall vão estar no Hipódromo Manuel Possolo, respectivamente dias 13 e 25 de julho.

Esta sétima edição mantém a característica de concertos ao ar livre, mas divide-se apenas por Cascais e Mafra, não se realizando qualquer espetáculo em Oeiras.

Em Cascais os concertos realizam-se no Hipódromo e no Parque Marechal Carmona, e em Mafra no Jardim do Cerco, junto ao Convento-Palácio.

Joshua Redman, Concha Buika e Seal actuam no CoolJazzFest

O saxofonista norte-americano Joshua Redman, a cantora espanhola Concha Buika e o artista britânico Seal actuam em Julho em Cascais, no CoolJazzFest, organizado pela promotora Música no Coração.

Todos eles repetentes em Portugal, os três artistas actuarão em diferentes espaços de Cascais, no âmbito da sexta edição deste festival, repartido entre aquela cidade e Mafra.

Joshua Redman, 40 anos, que acaba de editar o álbum "Compass" com uma formação em trio, tocará a 9 de Julho na Cidadela de Cascais.

No dia 19 de Julho regressa a cantora espanhola Concha Buika, para um concerto no Parque Marechal Carmona que contará com a participação especial da fadista Mariza.

Concha Buika editou em 2008 o álbum "Niña de fuego", já apresentado ao vivo em Lisboa, e gravou com Mariza o tema "Pequenas Verdades", no último álbum da cantora portuguesa.

A 31 de Julho, no Hipódromo de Cascais, Seal apresentará o álbum "Soul", que editou em finais de 2008, embora não deva esquecer êxitos da carreira, desde que lançou o álbum de estreia, homónimo, em 1991, como "Crazy", "Don´t cry" ou "Kiss from a rose".

No Hipódromo de Cascais estão ainda previstos os concertos, já anunciados, de Katie Melua (22 de Julho) e James Taylor (29 de Julho).

Na Cidadela de Cascais actuarão ainda os alemães Jazzanova, no dia 10 de Julho.

Segundo a promotora, o CoolJazzFest 2009 terá cerca de dez concertos repartidos entre Cascais e Mafra (no Jardim do Cerco), adoptando localmente os nomes Cascais CoolJazz e Mafra CoolJazz, por terem o apoio das respectivas autarquias.

Em edições anteriores, pelo CoolJazzFest passaram nomes como Mayra Andrade, Herbie Hancock, Caetano Veloso, Mariza, Thievery Corporation, Diana Krall, Kings of Convenience e Adriana Calcanhotto

redes sociais

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre mim

foto do autor

Links

actualize-se

Festivais

  •  
  • sirva-se

  •  
  • blogues da vizinhança

  •  
  • músicas do mundo

  •  
  • recordar João Aguardela

  •  
  • ao vivo

  •  
  • lojas

  •  
  • Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2006
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D