Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grandes Sons

Um pouco de música todos os dias. Ao vivo, em vídeo, discos, singles, notícias, fotos. Tudo à volta do rock e derivados.

Grandes Sons

Year Long Disaster, Rock em Abril no Alquimista

Mais uma interessante proposta para Abril. Year Long Disaster em Lisboa.
Explica a promotora do concerto: Inspirados pelo blues-rock dos anos 70, os Year Long Disaster editaram em 2007 o primeiro álbum de originais, homónimo, conquistando grande aclamação junto da crítica especializada (a Rolling Stone considera-os uma das bandas a seguir em 2008).
Os Year Long Disaster são: Daniel Davies, vocalista e guitarrista; Rich Mullins, baixista e Brad Hargreaves, baterista. Todos com história e estórias no mundo da música antes de chegarem aos Year Long Disaster.
Daniel Davies é filho de Dave Davies (mítico guitarristas dos lendários The Kinks), com quem andou em digressão durante os primeiros anos de vida. Rich Mullins foi um dos fundadores dos Karma To Burn, banda que editou três discos pela Roadrunner e que actuou nas primeiras partes de Metallica e Pantera. Brad Hargreaves era baterista dos Third Eye Blind, que alcançaram mais de 8 Discos de Platina ao longo da carreira.
Para compor a imagem, o manager da banda é Sebastian Robertson, filho de Robbie Robertson (dos magníficos The Band) e o álbum de estreia foi produzido por Jim Waters, responsável por discos de Jon Spencer Blues Explosion e RL Burnside.
Uma amálgama de personalidades, que resulta num rock explosivo, para o público português descobrir ao vivo, dia 28 de Abril no Santiago Alquimista. Get Ready for… Year Long Disaster!!!

Greg Dulli e Mark Lanegan, The Gutter Twins em Lisboa

The Gutter Twins em Portugal, 30 de Abril, no Santiago Alquimista.
Dois dos maiores vocalistas de rock alternativo, Greg Dulli e Mark Lanegan, juntaram esforços num novo projecto, The Gutter Twins, que combina na perfeição a força criativa dos dois compositores. Dia 30 de Abril, actuam no Santiago Alquimista.
Mark Lanegan alcançou a fama como vocalista dos Screaming Tree, Greg Dulli como o magnético líder dos Afghan Whigs. Depois do fim de ambos os projectos, Lanegan e Dulli continuaram a alcançar sucesso, por conta própria.
Enquanto Lanegan lançava álbuns a solo e colaborava com uma imensa paleta de artistas, dos Queens of The Stone Age a Isobel Campbell (ex-Belle & Sebastian), Dulli criou os Twilight Singers, uma mistura inovadora de Indie, Soul e música electrónica.
Finalmente juntos, os The Gutter Twins surgiram de um rumor que Lanegan contou a um jornalista, quando os dois músicos começaram a colaborar, em 2002. O que começou como um rumor, transformou-se num álbum cru e honesto, Saturnalia.
Com edição marcada para 4 de Março, pela mítica editora indie Sub Pop, Saturnalia será a base do concerto que marca a estreia dos The Gutter Twins em Portugal, 30 de Abril, no Santiago Alquimista.

Guia Prático dos Sub Géneros da Música de Dança Electrónica

O caro leitor tem dificuldade em identificar os variados sub géneros de música de dança electrónica? Ou melhor, nem sabe bem ao certo quantos géneros estão catalogados?
Qual a diferença entre o house, o tecnho, ou o classic trance?
Não tenho a verdade absoluta para estas questões mas descobri um excelente vídeo explicativo com amostras sonoras de vários estilos.
O autor baseou-se no site techno.org e compilou uma selecção de sub géneros. Um resultado prático e interessante para ver aqui:

Brilhantes GrAMY's

Depois de ameaçada pela greve de argumentistas, a cerimónia que assinalou meio século de existência dos Grammys conseguiu surpreender muito pela positiva com momentos de grande espectáculo e alguma emoção. Felizmente que há o you tube para recuperarmos os melhores momentos da madrugada.
A grande vencedora da noite foi Amy Winehouse, num claro sinal da indústria discográfica a querer coroar uma rainha, que recusa o trono, antes que seja tarde de mais. Voltámos a ter uma estrela de rock n' roll mal comportada mas amada oficialmente por todos.
Kanye Weste também teve noite para recordar com a falecida mãe sempre na memória colectiva, e com participação ao vivo com os Daft Punk. Bonita homenagem aos Beatles, justo tributo aos The Band, interessante evocação ao passado glorioso da soul, pop e rock, com Alicia Keys em destaque, bonita presença de Rihanna, actuação vigorosa dos Foo Fighters ( grandes demais para o cenário principal segundo o que se disse com graça ) no palco montado fora da sala.
E grande momento da noite foi o regresso de Miss Hot Legs Tina Turner aos palcos! Num excelente momento musical, e visual, em que Beyonce aproveitou para herdar discretamente o título da veterana Tina. Um duo de respeito de obrigatória visualização.
Uma cerimónia das boas a fazer render muitos momentos de glória.

a ver:
Beyonce and Tina Turner (parte 1)
Beyonce and Tina Turner (parte 2)
Kanye West com Daft Punk
Tributo aos Beatles

Supernatural Superserious, o Novo dos R.E.M.

Já se pode ouvir o single de estreia do novo disco a sair brevemente dos R.E.M..
Na página oficial da banda é possível escutar "Supernatural Superserious".
O alinhamento do álbum "Accelerate":
1. Living Well's The Best Revenge
2. Man Sized Wreath
3. Supernatural Superserious
4. Hollow Man
5. Houston
6. Accelerate
7. Until The Day Is Done
8. Mr Richards
9. Sing For The Submarine
10. Horse To Water
11. I'm Gonna DJ

redes sociais

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre mim

foto do autor

Links

actualize-se

Festivais

  •  
  • sirva-se

  •  
  • blogues da vizinhança

  •  
  • músicas do mundo

  •  
  • recordar João Aguardela

  •  
  • ao vivo

  •  
  • lojas

  •  
  • Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2006
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D