Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Grandes Sons

Um pouco de música todos os dias. Ao vivo, em vídeo, discos, singles, notícias, fotos. Tudo à volta do rock e derivados.

Grandes Sons

Pearl Jam: A História de Backspacer - As Canções

Por Luís Gomes

O primeiro contacto com as novas canções já chegou há algum tempo; 1 de Junho na estreia do novo host no 'Tonight Show' with Conan O'Brien. A canção escolhida foi "Got Some". Poderosa, animada, mas o facto do já muito quarentão Ed perder um pouco o fôlego a meio tirou algum impacto à prestação.

Com o single 'The Fixer' as coisas mudaram por completo. A primeira audição possível, via myspace, com qualidade mediana, deixou meio mundo à nora. Uma canção pop? Repleta de yeah, yeah, yeahs?! Abrenuncio de novo! É o fim!

A versão definitiva começou a aglutinar mais admiradores, mas foi em Londres, num concerto promocional para 2000 pessoas, na magnífica sala Shepherd's Bush Empire a 11/08/09, que toda a gente ficou conquistada! Ao vivo a música resultou de imediato. É catchy, fácil e divertida. A letra bastante mais básica e imediata que o habitual, mas a soar na mesma a Pearl Jam.

Seguem-se as primeiras reviews do disco e aparece a unanimidade. A palavra fun é a mais repetida para descrever o disco.
Definitivamente um corte com o passado recente, onde além de letras politizadas, sentia-se o ambiente contrariado e contraído de quem tinha que ser governado por W. Bush. O novo disco aborda outras temáticas e com outra leveza. Em apenas 36 minutos dispara em registos colectivos de bom e divertido rock e até pop (como custou a muitos ouvir a explicação que a canção The Fixer, escrita por Matt Cameron tinha sido transformada aos comandos do Pro Tools na versão final que conhecemos por Vedder – o eterno punk rocker no coração), e registos que podiam ser do segundo disco a solo de Vedder, Into The Wild II.

Em geral e para fanáticos o disco é excelente. Num barómetro importante para estes, terá 4 ou 5 clássicos a repetir durante anos ao vivo. Para os restantes, tem um single que cavalga as tabelas de vendas no iTunes e tem tocado na rádio com insistência.

O produtor fetiche Brendan O'Brien, que se junta aos PJ depois de 8 ou 9 anos, já confessou que é simpático que já estejam disponíveis para terem sucesso, que é interessante que estejam disponíveis para lançar algo como 'The Fixer' depois dos 40 anos de vida e a chegar aos 20 anos de banda. E deve ser mesmo simpático para quem os rodeia vê-los disponíveis para evitar o auto-boicote sustentado em princípios mais ou menos sólidos, como aconteceu em anos idos, disponíveis para fazerem um single orelhudo.

The Fixer e Got Some perdurarão em setlists durante anos, Just Breathe tanto pode cortar o coração de quem estiver disponível, como ser a música de casamento mais popular dos próximos tempos – é linda de qualquer das formas.
Unthought Known tem uma batida irresistível e um Vedder a cantar no seu melhor. E entre coisas bem mexidas como Gonna See my Friends ou Amonsgt the Waves, chegam registos tristíssimos, de Vedder quase a solo, como Speed of Sound ou The End. Esta última um murro no estômago no tal disco fun, talvez a melhor música do crooner Vedder a solo...
Quem tiver a mínima simpatia pela voz de barítono de senhor Vedder, ficará assombrado ao chegar a última nota e as últimas palavras do disco 'My dear, The End, Comes near, I’m here, But not much longer '. Tudo isto salpicado com arranjos de teclas pelo produtor, arranjos de cordas e até uma 'french horn'.

Quem gostar de Pearl Jam, tem aqui um grande disco, quem não gostar tem aqui 3 ou 4 canções às quais não conseguirá ficar indiferente.

O que interessa um novo disco de Pearl Jam hoje em dia?
Nada! Literalmente nada, senão o pretexto para iniciarem nova digressão (http://www.pearljam.com/tour):
Aí sim, estão os Pearl Jam como devem ser ouvidos e quem os segue um pouco mais próximo da felicidade, numa espécie de Nações Unidas de boa gente atrás de boa música por esse mundo fora com temas à escolha de um catálogo que terá agora umas 200 canções, que se revezam incessantemente.
Mas esse é tema para outro dia...

29 comentários

Comentar post

Pág. 1/3

redes sociais

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

grandes sons de 2017

agenda

Mais sobre mim

foto do autor

Links

actualize-se

Festivais

  •  
  • sirva-se

  •  
  • blogues da vizinhança

  •  
  • músicas do mundo

  •  
  • recordar João Aguardela

  •  
  • ao vivo

  •  
  • lojas

  •  
  • Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2006
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D