Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grandes Sons

Um pouco de música todos os dias. Ao vivo, em vídeo, discos, singles, notícias, fotos. Tudo à volta do rock e derivados.

Grandes Sons

O Fim do CD II

Em complemento ao que escrevi aqui esta semana:

Discos: Números da afp confirmam queda acentuada
Vendas caem 17%


A venda de discos em Portugal caiu 17,32 por cento nos seis primeiros meses deste ano, por comparação com igual período de 2007.

Os números são da Associação Fonográfica Portuguesa (AFP) e confirmam a tendência mundial de queda na venda de música em suporte físico. Nos EUA, maior mercado do Mundo, a queda nas vendas de CD foi de 11 por cento na primeira metade de 2008.

Pelo contrário, a compra de música digital vai de vento em popa em Portugal, tendo-se verificado (em igual período de tempo) um crescimento de 35,19 por cento no volume de facturação. Um aumento considerável, que permite à indústria amortecer as perdas. Ainda assim, a facturação conjunta das vendas em suporte físico e digital sofre uma queda de cinco por cento nos primeiros seis meses do ano.

De acordo com Eduardo Simões, director-geral da AFP, o crescimento do mercado digital deve-se em grande medida aos "toques para telemóvel e aos downloads legais pela internet".

Em crescimento esteve também a venda de singles (1009 por cento) e de discos em vinil (54 250 por cento), em grande parte por motivos profissionais, e também de DVD, com um aumento de 2,60 por cento.

Tentando inverter a má conjuntura, as principais editoras de Portugal apostam em lançamentos de peso até ao final do ano, incluindo muitos artistas nacionais.

in correio da manhã

A Morte aos 27 em Exposição

Está em cartaz na Proud Camden Gallery, em Londres, a mostra Forever 27, com fotos de músicos que morreram aos 27 anos. A exposição, com entrada gratuita, revela imagens de artistas como Kurt Cobain, Janis Joplin, Jim Morrison, Jimi Hendrix e Brian Jones, embora retrate mais de 30 celebridades diferentes.

Vejam aqui algumas fotos:
forever 27

Festival Músicas do Mar na Póvoa de Varzim - Começa Hoje


A partir de hoje, a Póvoa recebe uma dezena de bandas nacionais e estrangeiras naquela que será a segunda edição deste festival que celebra a música na sua diversidade de sonoridades , ritmos e culturas.

Na edição deste ano participam bandas vindas dos mais diversos países, desde a Nigéria, Estados Unidos, Marrocos, Nova Zelândia, Itália, Finlândia, Espanha e, claro, Portugal. E pode já levantar-se um pouco a ponta do véu e revelar que vão participar, entre outros, os portugueses Deolinda, o nigeriano Dele Sosimi, que trabalhou com Fela Kuti, os Dengue Fever, vindos dos Estados Unidos mas com música de influência cambojana e os Farra Fanfarra, banda de músicos dos quatro cantos do mundo, mas que se formou em Lisboa.

Ao longo dos três dias do Músicas do Mar haverá uma média de três concertos por dia, todos de entrada livre, divididos pelo Largo do Passeio Alegre, Diana Bar e Auditório da Lota, e ainda a presença do Bailarico Sofisticado, que regressam para pôr toda a gente a dançar, nas noites de 29 e 30.

Organização
programa

O Fim do CD

Tenho muitos cd's em casa. Muitos mesmo, na casa dos milhares.
Os anos vão passando e noto que cada vez compro menos discos. Comecei por notar isso em relação às lojas onde ia. Numa altura recorria muito à internet para fazer compras, mas agora vejo que já nem isso.
Este deve ser o ano que menos discos comprei desde que comecei a trabalhar em 1991.
Com a facilidade que há em aceder às centenas de discos que saem por ano, principalmente a normalidade com que se descarrega uma nova edição de uma banda mesmo antes de chegar o cd à loja, foi-se perdendo o ritual de ir à loja pesquisar as novidades, ouvir os conselhos dos vendedores, e arranjar tempo para ouvir com atenção o disco.
Durante uns tempos achei que era uma utopia aquela ideia que os cd's iam desaparecer, que no futuro as lojas de discos iam ser raras, e que o suporte favorito para alojar música deixaria de ser móveis e prateleiras, para passar a ser digital.
Passam-se tempos que não ligo o meu leitor de cd da aparelhagem, e só de vez em quando uso o prato de vinil.
A maior parte da música que oiço é vinda directamente do Itunes, ou do IPod. A minha biblioteca musical passou a ser um disco externo de 250 gb para onde envio todas as semanas uns quantos álbuns novos.

Posto isto uma dúvida tem me perseguido o pensamento: o que fazer aos milhares de discos que tenho em casa, sendo que muitos deles são cdr com capinha bonita e tal?
Acho que me vou dedicar a uma tarefa gigantesca de escolher os cd's que quero mesmo guardar e reorganizar a minha base de dados de discos pela última vez.
E começo a perceber que realmente o futuro é digital.

Pág. 1/5

redes sociais

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

grandes sons de 2017

agenda

Mais sobre mim

foto do autor

Links

actualize-se

Festivais

  •  
  • sirva-se

  •  
  • blogues da vizinhança

  •  
  • músicas do mundo

  •  
  • recordar João Aguardela

  •  
  • ao vivo

  •  
  • lojas

  •  
  • Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2008
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2007
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2006
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D